Diga-me os porquês
dessa inclinação ao mal
Diga-me os porquês
da grande audiência do jornal
que escorre sangue
inocente
de gente
que poderia ser a gente

Diga-me os porquês
dessa inclinação ao horror
Diga-me os porquês
do sucesso daquele filme de terror
onde o mal é superexaltado
e o diabo é louvado
contraste da verdade:
ele já foi derrotado

Diga-me os porquês
dessa inclinação ao vão
Diga-me os porquês
do sucesso daquela música
que trata mulheres como prostitutas
ou vende ideias falsas de amor
e entre um acorde e outro
exalta o rancor e a dor

Diga-me os porquês
dessa inclinação
Os porquês de isso chamar
a nossa atenção
Se o que deveria alegrar nosso coração
Era o verdadeiro, amavel
O justo
Tudo o que é honesto, de boa fama
e puro
Tudo o que há virtude e louvor
E o que testemunha ao Senhor

Limpai, Senhor
A nossa mente e coração
E coloque em nossos lábios
Uma bela canção
Que os seus feitos se torne o assunto
de nossos assuntos
E que noticiemos ao mundo
A melhor das noticias
A boa notícia
“Há salvação!
A Salvação está entre nós”

Anúncios