AUXILIARES DE JOVENS E MENORES: para quem não sabe, são estes moços e moças os encarregados de cuidar das crianças nas reuniões de jovens e menores na Congregação Cristã no Brasil. Se você que está lendo pertence à outra denominação, eu tenho certeza que deve haver uma função equivalente na sua igreja: Alguém que cuide das crianças durante os cultos.

Mas a nossa função (sim, eu sou auxiliar! Glória a Deus por esse presente lindo!) não se resume apenas a manter as crianças quietas durante os cultos. A nossa função é uma das mais importantes dentro da igreja! Não sei se você já reparou, mas nós somos a primeira pessoa dentro da igreja em que uma criança se espelha. Somos nós os primeiros a ensinar a muitas daquelas crianças a orar, lembrando que muitas delas não tem ninguém cristão em casa. Somos nós os primeiros ter que responder perguntas embaraçosas que essas crianças fazem.

Recitativo em japonês. :)
Recitativo em japonês. 🙂

 

Um dia desses, por exemplo, um pequeno chegou até a mim no meio do culto de jovens, todo preocupado:

“Jesus morreu?”

Eu respondi: “Sim. Ele morreu, e depois ressuscitou.”

Mas isso não serviu para acabar com a preocupação dele: “Ele tá morto sim. Eu passei na frente de uma igreja e vi ele morto…”

Só aí eu me toquei de que ele deveria estar falando da famigerada imagem do Jesus morto da igreja católica, que sinceramente, é uma imagem bem forte para uma criança pequena.

Enfim, no meio do culto eu tentei explica-lo que Jesus realmente havia morrido, mas que ele hoje estava vivo, à destra de Deus e que logo viria nos buscar para morar no céu com ele… Mas imaginem o que aquela criança passou naquela semana imaginando que o Deus dela estava morto na porta daquela igreja? Coitada…

Bem, o que quero dizer é que nós somos as primeiras referências daqueles pequenos. Eles não sabem o nome do cooperador de jovens, mas sabe o nosso nome. E nos observa. E quer nos copiar.

É muita responsabilidade…

E também cabe a nós irmos atrás deles: tanto aos pequenos que não podem vir sozinhos à igreja e seus pais não os podem trazer, até aos mais velhos, que muitas das vezes não ouvem o conselho do pai e da mãe por causa da “rebeldia adolescente”, mas aceita os nossos conselhos como o de amigos que somos.

É uma função linda, excelente e MUITO IMPORTANTE! Indiretamente, estamos evangelizando a todos eles, assim como fui evangelizado pelos meus primeiros auxiliares. Até hoje lembro do Douglas, André, Elenilson, Ailton e outros. Sim, posso dizer que fui em parte evangelizado por eles. Eles nunca me deram aulas de bíblia, ou folhetinhos e nada disso. Mas eles me deram amizade, me receberam com alegria, e assim não me ensinaram a Palavra de Deus na teoria, mas na prática.

Que Deus possa abençoá-los grandemente!

E que Deus possa abençoar, guiar e dar sabedoria a todos os auxiliares. E que possa conceder o desejo dos corações daqueles que sonham em um dia exercer essa linda função!

Deus abençoe a todos!

PS.: Dedico esse texto ao Marcelo Sobral, que faz tempo que está me pedindo. Deus abençoe Marcelo! (Alguém marca ele nesse texto, por favor! rsrs)

Just keep calm! ;)
Just keep calm! 😉
Anúncios